NOTÍCIAS

Informações atualizadas todos os dias

Painéis virtuais do Campo Futuro abordam cadeias da suinocultura e avicultura nesta semana

MB Comunicação

O projeto Campo Futuro terá quatro painéis virtuais, nesta semana, para levantar os custos de produção, a valorização no mercado e as projeções do mercado de aves e suínos. A programação inicia nesta terça-feira (20) com dois eventos em Seara: das 9h às 13 horas (Suinocultura UT) e das 14 às 18 horas (Suinocultura UPL). Na quarta-feira (21), ocorrerão painéis com foco para a avicultura de corte em Chapecó, das 9h às 13 horas, e em Itaiópolis, das 14 às 18 horas.

Desenvolvido pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA), a iniciativa conta com a parceria do Sistema FAESC/SENAR-SC e Sindicatos Rurais.

O presidente do Sistema FAESC/SENAR/SC e vice-presidente de finanças da CNA, José Zeferino Pedrozo, explica que o Campo Futuro é um projeto de gestão de custos e riscos voltado para produtores rurais, com propósito de calcular os gastos de produção nas propriedades e utilizar as operações em mercado futuro. Após a realização dos painéis, as matrizes de custos e as informações sobre as receitas médias são atualizadas pelas instituições parceiras do projeto.

As atividades agropecuárias e respectivas regiões foram definidas com base na necessidade de atualização das informações e inclusão de novos polos produtivos. Para o levantamento de dados será utilizada a metodologia de painel de produção que consiste em reunir entre 10 e 15 produtores típicos da região e profissionais da área para identificar, mediante debates e planilhas específicas, o sistema de produção local e custos diretos e indiretos. Os painéis serão conduzidos no formato on-line em função das condições impostas pela pandemia.

CONFIRA PROGRAMAÇÃO DOS PRÓXIMOS PAINÉIS

A programação do Projeto Campo Futuro segue no dia 2 de agosto, das 14 às 18 horas, em Curitibanos sobre horticultura (alho); no dia 3, das 14 às 18 horas, em Ituporanga sobre horticultura (cebola); e no dia 5, das 14 às 18 horas, sobre fruticultura (maçã).